Saiba Tudo Sobre IPVA

O ano começa e os impostos também. O Imposto sobre Propriedade de Veículo Automotor, ou IPVA, é o imposto cobrado anualmente pela Receita Estadual aos proprietários de qualquer tipo de automóvel, seja ele carro, moto ou caminhão. Além do IPVA, também é preciso quitar o Seguro Obrigatório DPVAT. Por isso, preparamos este post com as informações mais importantes que você precisa saber sobre o IPVA.

Veja o post completo:

ipva-carro

O IPVA é determinado por uma porcentagem sobre o valor do carro. Esta alíquota é defina pelo Estado – e cada um deles tem seu próprio critério, mas esta taxa varia entre 1% e 4% do valor venal do carro, que é determinado pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe).

Os estados que cobram o IPVA mais caro são Rio de Janeiro e São Paulo: 4% para veículos de passeio. No Paraná o valor é quase o mesmo, 3,5% por veículo. Para se fazer o cálculo do imposto é necessário saber o modelo e o ano de fabricação do automóvel.

transito

Para efetuar o pagamento do IPVA, o proprietário recebe em sua casa um Aviso de Recolhimento do Imposto, além de outros débitos que possam existir, como multas e seguro obrigatório. Você pode efetuar o pagamento à vista com desconto, até o vencimento, à vista sem desconto, após a data de vencimento ou parcelado em três vezes.

Em caso de atraso no pagamento, cada estado cobra de uma maneira diferente. Mas a média geral é de 20% sobre o valor total do imposto mais juros. O não pagamento do IPVA pode acabar implicando em sérios problemas para o motorista no caso de fiscalização, como até mesmo a apreensão do veículo.

O IPVA isenta o pagamento nos seguintes casos:

– Veículo terrestre adaptado para ser dirigido por motorista portador de deficiência física;
– Táxi, dotado ou não de taxímetro, destinado ao transporte público de passageiros;
– Veículos de utilidade pública municipal, estadual e do corpo de bombeiros;
– Veículos de consulados;
– Carros de instituições religiosas, de educação e assistência social;
– Automóveis de partidos políticos;
– Veículos de associações de pais e amigos de excepcionais legalmente constituídas;

Trânsito em São Paulo

Metade do valor arrecadado do IPVA fica no município no qual o veículo foi emplacado e a outra parte vai para os cofres públicos, para ser investidos em obras de infraestrutura. Tanto estados quanto municípios são obrigados por lei a aplicar o valor arrecadado na saúde e na educação – 25% e 15%, respectivamente.

Imagens: Portal 6, Itaro

ituran-logo-mobile-svg

Por : Ituran Brasil

Você também pode gostar