Qual a diferença entre um carro seminovo e usado?

Quando nos vem à mente a palavra carro, tendemos a categorizá-lo como novo ou usado. Correto? Sem o meio termo chamado seminovo. O termo, no entanto, foi criado para evitar a desvalorização da propriedade, uma vez que fora da concessionária, o carro não é mais novo.
carro-seminovo
De acordo com a Associação dos Revendedores de Veículo Automotores no Estado de São Paulo (Assovesp), os seguintes requisitos são necessários para um veículo ser considerado seminovo:
Para ser considerado seminovo, o veículo deve atender alguns critérios: ter no máximo três anos de uso; apenas um dono; baixa quilometragem, isso sendo subjetivo, pois pode ser tanto 5000 km em 3 anos ou 50 mil nesse tempo.
O carro não é seminovo se não atender os critérios acima ou se ainda estiver em má conservação; lataria afetada por acidentes; lataria enferrujada; defeitos no motor ou em outros componentes vitais para o bom funcionamento do automóvel; alterações no motor e no tipo de combustível; rebaixamento da carroceria e acessórios que afetam a forma original do carro.
Ou seja, caso tenha interesse em adquirir um veículo seminovo, observe anteriormente se todos os requisitos indicados pela Assovesp são preenchidos, dessa forma você pode evitar ser enganado ou adquirir um carro que não satisfaça suas necessidades!
Já conhece a nossa página no Facebook? Acesse e curta Ituran Brasil!
Estamos no Twitter também: Ituran Brasil!
Ituran – Sempre com você
Imagem via: Folha Victoria

ituran-logo-mobile-svg

Por : Ituran Brasil

Você também pode gostar